getting a crypto wallet license

Como Obter uma Licença de uma Carteira de Criptomoedas

Reading time

A indústria das criptomoedas é um campo excitante onde as carteiras são fundamentais na proteção dos ativos do utilizador. Em termos gerais, estas carteiras podem ser classificadas em dois tipos: custódia e não custódia. Com o crescimento do nicho das criptomoedas, o escrutínio regulatório aumentou, levando a conformidade complexa e a requisitos de licenciamento que têm de ser atendidos.

Assim sendo, apareceram licenças especiais, que são emitidas esta ou por aquela entidade regulatória para confirmar a conformidade das carteiras de criptomoedas com os pré-requisitos regulatórios da jurisdição onde é utilizada, que faz parte do enquadramento legal que define os termos e condições da sua aplicação prática.

Este artigo elucidará sobre o que é uma licença de criptomoedas e que tipos existem. Também ficará a saber o que é uma licença de carteira de criptomoedas e qual é o algoritmo dos passos para obter uma.

Principais Considerações

  1. Uma licença de carteira de criptomoedas é um certificado que confirma a legitimidade da empresa prestadora e a conformidade com os requisitos estabelecidos em relação ao armazenamento das chaves do utilizador.
  2. Uma licença de carteira de criptomoedas assegura a transparência, segurança e integridade das operações relacionadas com o processamento de criptoativos, bem como o seu movimento e conversão dentro da carteira.
  3. O primeiro passo para obter uma licença de carteira de criptomoedas é escolher a entidade regulatória para a região onde planeia conduzir o negócio.

O que é uma Licença de Criptomoedas?

Uma licença de criptomoedas é uma autorização oficial, concedida por autoridades regulatórios, que permite que uma empresa participe legalmente em várias atividades dentro da indústria das criptomoedas, tais como negociação, bolsas, serviços de carteira, corretoras, soluções de custódia e operações de mineração. 

A obtenção dessa licença garante a conformidade com as leis e regulamentos aplicáveis da jurisdição em questão. Também reflete o compromisso da empresa para com a transparência, responsabilidade e práticas comerciais responsáveis, que pode ajudar a estabelecer a confiança e a credibilidade com os clientes, investidores e outras partes interessadas. 

crypto license benefits

Por conseguinte, a obtenção de uma licença de criptomoedas é essencial para qualquer negócio que procure operar neste mercado que evolui rapidamente e que é muitíssimo competitivo.

Todas as empresas que participam no reino dos tópicos relativos às criptomoedas são obrigadas a possui a licença de requisito. Esta licença serve como uma garantia de que a empresa de criptomoedas em questão está habilitada para proteger os ativos digitais dos clientes, enquanto também cumpre com todas as leis e regulamentos relevantes. 

As categorias de licenças de criptomoedas disponíveis são diversas, variando entre licenças de bolsa e licenças de carteira até licenças de custódia. Os pré-requisitos para obter estas licenças podem diferir significativamente de país para país.

O licenciamento das carteiras de criptomoedas é um novo rumo de regulação legislativa da esfera das criptomoedas, ao nível do licenciamento das bolsas de criptomoedas.

Curiosidade

Quais São os Tipos de Licenças de Criptomoedas?

No mundo das criptomoedas, é oferecida uma ampla variedade de serviços, e cada serviço tem a sua respetiva licença específica, concebida para cumprir com as normas regulatórias e de conformidade. Os negócios envolvidos nesta indústria têm de cumprir estes regulamentos e normas para garantirem que funcionam legalmente e em segurança.

crypto license types

Estes são os tipos principais de licenças de criptomoedas que podem ser encontrados no nicho:

1. Licença de Bolsa de Criptomoedas

Uma licença para operar uma bolsa de criptomoedas ou para prestar serviços de bolsa para criptomoedas e moedas fiduciárias é um pré-requisito para as empresas que procuram proporcionar serviços de trading neste domínio. A licença permite que o titular facilite transações entre as partes interessadas de forma segura e protegida. 

Os serviços de câmbio podem envolver negociar criptomoedas em relação a dinheiro fiduciário ou a outras criptomoedas. A obtenção dessa licença demonstra o compromisso da organização para cumprir com os requisitos regulatórios e melhores práticas da indústria, garantindo a proteção dos fundos e da informação pessoal dos seus utilizadores.

2. Licença de Corretor de Criptomoedas

Possuir uma licença de corretor é um requisito imperativo para os negócios que operam como intermediários na compra e venda de criptomoedas em nome dos seus clientes. Os titulares da licença são obrigados a garantir que implementaram os procedimentos de gestão de risco necessários, que cumprem com os regulamentos de conduta do mercado e que reportam todas as transações de uma forma que é consistente com os regulamentos financeiros. 

Para garantirem a conformidade com os requisitos legais, os corretores têm de executar diligências no que diz respeito a todas as transações, incluindo a verificação da identidade dos seus clientes e a deteção de quaisquer atividades suspeitas.

3. Licença de Transmissor de Dinheiro

As empresas que transferem ou convertem criptomoedas de dinheiro fiduciário e vice-versa têm de obter uma licença de transmissor de dinheiro. Esta licença é essencial para garantir que estas entidades cumprem com as normas Antibranqueamento de Capitais (AML) e de Combate ao Financiamento do Terrorismo (CTF).

Para se tornar num requerente, é crucial ter em consideração que há requisitos específicos que têm de atender. Tipicamente, estes incluem manter um nível em particular de capital operacional e de requisitos de garantias, além de ter políticas internas para a proteção do consumidor. Pode estabelecer-se como um requerente fiável e responsável cumprindo estes requisitos.

4. Licença de Mineração

Em determinadas jurisdições, os negócios que participam na verificação de transações numa rede blockchain, comummente designada de mineração, podem ter de obter uma licença de mineração. Esta licença é uma autorização legal para o negócio realizar atividades de mineração dentro de uma jurisdição específica. As empresas têm de conhecer os requisitos de licenciamento das jurisdições respetivas para evitarem potenciais implicações legais.

Vale a pena mencionar que mesmo embora os regulamentos possam ser menos abrangentes, as licenças ainda podem ter requisitos para normas de consumo de energia, conformidade do equipamento e impactos ambientais, quando necessário. Além disso, pode-se esperar que as operações de mineração demonstrem como gerem as recompensas e taxas geradas através das suas atividades de mineração.

5. Licença de Custódia

A licença para entidades de custódia é essencial na proteção dos ativos digitais em nome dos seus clientes. Esta licença é crítica para garantir que os fundos dos clientes se encontram protegidos e que a sua integridade é preservada. 

Por conseguinte, a obtenção de uma licença de custódia é essencial para qualquer entidade que procure manter a segurança mais elevada das carteirar e cumprir com as normas de proteção para os ativos digitais dos seus clientes, bem como para a regulação da carteira de criptomoedas.

Para garantirem a proteção e a segurança dos seus fundos, os negócios têm de implementar medidas de segurança fortes, tais como utilizar carteiras com assinatura múltipla, opções de cold storage e para realizarem auditorias regulares. 

Também é essencial ter sistemas de backup fiáveis e planos de contingência para abordar quaisquer potenciais violações ou perdas. Ao darem prioridade a estes protocolos de segurança, os negócios podem proteger-se, e aos seus clientes, de perigos financeiros e preservar a confiança no contexto da indústria.

6. Licença de Carteira

Uma licença de carteira de criptomoedas é uma certificação emitida para negócios que prestam serviços de carteiras digitais para o armazenamento e gestão de criptomoedas. Para obterem esta licença, os prestadores de carteiras têm de demonstrar a sua capacidade de proteger em segurança as chaves privadas e prevenirem o acesso não autorizado aos criptofundos. 

Esta certificação é um comprovativo do compromisso do prestador em manter as normas de segurança e de confiança mais elevadas da indústria. Eles precisam de garantir a confidencialidade da informação do utilizador, que pode ser alcançada através da encriptação. Adicionalmente, devem ter procedimentos em vigor para a recuperação da carteira na eventualidade de as chaves ou de as palavras-passe se perderem ou serem esquecidas.

Para obter estas licenças, é crucial ter uma compreensão minuciosa do cenário regulatório e dispor de um modelo de negócio flexível que se consiga ajustar para atender a estes regulamentos. Para as empresas que procuram operar em várias regiões, pode ser necessária a obtenção de várias licenças e a atualização contínua dos seus protocolos de conformidade, para garantirem a conformidade com as leis locais.

Uma Licença de Criptomoedas para Carteiras Com Custódia e Sem Custódia

As carteiras de criptomoedas têm características, finalidades, custos e tipos diferentes. Ao mesmo tempo, consoante o tipo de carteira, podem ter uma funcionalidade diferente. No entanto, em termos básicos, quando falamos da licença para carteiras de criptomoedas, estas classificam em custódia e sem custódia.

difference between custodial and non-custodial wallets

Carteiras Com Custódia

As carteiras com custódia funcionam de forma semelhante aos bancos tradicionais, onde um serviço terceiro detém as chaves privadas dos utilizadores para os seus ativos digitais. Estas carteiras permitem que os utilizadores armazenem, enviem e recebam criptofundos sem deterem o controlo direto das suas chaves privadas. 

Exemplos famosos incluem carteiras fornecidas por bolsas como a Coinbase, Binance e Kraken. Devido à sua natureza com custódia, estas carteiras estão sujeitas a requisitos regulatórios estritos, incluindo obter as licenças necessárias, cumprirem com protocolos KYC/AML e implementarem medidas de cibersegurança robustas.

Carteiras Sem Custódia

Os utilizadores podem exercer total controlo sobre os seus ativos através de carteiras sem custódia, que fornecem acesso às suas chaves privadas. Estas carteiras funcionam como portais para as redes blockchain, ajudando os utilizadores na criação e na gestão de chaves privadas e públicas nos seus dispositivos pessoais. 

A MetaMask, Trust Wallet e Exodus são exemplos destas carteiras. Dado que as carteiras sem custódia não requerem custódia dos ativos do utilizador, geralmente, elas não estão sujeitas a requisitos de licenciamento onerosos.

O enquadramento regulatório para as carteiras de criptomoedas varia significativamente de jurisdição para jurisdição e tem as suas respetivas peculiaridades. Ao mesmo tempo, e como regra, no enquadramento deste tópico, os principais países ou cidades que são tidos em consideração, devido às peculiaridades de obter uma licença, formaram um certo grau de popularidade entre os negócios interesses nesses produtos. 

Entre estes países e cidades encontram-se a Estónia, o Dubai e a Lituânia, que oferecem as seguintes condições para obter um visto.

Estónia

A Estónia adotou uma abordagem bem equilibrada para com o licenciamento das criptomoedas. A taxa de licenciamento é definida para um preço aceitável de 10 000 € e um requisito de capital social de 100 000 €. O processo de licenciamento pode demorar algures entre 6 e 9 meses. 

Em particular, não há quaisquer taxas de renovação ou de supervisão, o que ajuda a reduzir o fardo financeiro para as empresas de criptomoedas. Esta abordagem é semelhante à da Lituânia, que também foi bem recebida pela indústria. 

No geral, o enquadramento do licenciamento das criptomoedas da Estónia é concebido para fornecer um ambiente regulatório favorável para as empresas de criptomoedas enquanto garante que as verificações e saldos apropriados se encontram em vigor para manterem a integridade do sistema.

EAU (Dubai)

A Dubai emergiu como um potencial centro para a blockchain e para as empresas de criptomoedas devido ao seu ambiente regulatório relativamente favorável. Os operadores de carteiras sem custódia podem considerar os requisitos de licenciamento da cidade razoavelmente acessíveis. 

O processo de requisição de licença implica uma taxa de 25 000 € e um requisito de capital social de 150 000 €. Adicionalmente, os titulares de licença são responsáveis por pagarem uma taxa de supervisão anual de 50 000 € e uma taxa de renovação anual de 25 000 € para manterem a sua licença. O prazo previsto para todo o processo de licenciamento é de aproximadamente um ano.

Lituânia

A Lituânia apresenta um processo mais eficiente para obter uma licença de carteira de criptomoedas sem custódia, que não requer quaisquer taxas de licenciamento. O processo de configuração é, tipicamente, concluído num período de 30 a 60 dias, sujeito a um requisito de capital social de 125 000 €. 

Desta soma, é necessário um pagamento imediato de 25% (31 250 €), enquanto os restantes 75% (93 750 €) podem ser angariados num prazo de um ano. A jurisdição da Lituância representa uma opção apelativa, tanto para start-ups quanto para empresas estabelecidas, considerando a ausência de taxas de renovação ou de supervisão.

Qual é o Algoritmo para Obter uma Licença de Carteira de Criptomoedas?

A obtenção de uma licença de uma carteira de criptomoedas é uma tarefa desafiante, mas, ao seguir um plano de ação claro, é mais do que possível. Por conseguinte, abaixo tem uma lista dos passos sequenciais destinados a ter em consideração todas as peculiaridades, nuances e aspetos do procedimento de obter uma licença para uma carteira de criptomoedas, independentemente da jurisdição da sua utilização.

steps of getting a crypto wallet license

1. Seleção da Jurisdição Regulatória

O primeiro passo para obter uma licença de carteira de criptomoedas é escolher a jurisdição regulatória apropriada. Atualmente, há muitas entidades regulatórias no campo das finanças, cada uma com os seus respetivos requisitos, em particular em relação à regulação das carteiras de criptomoedas, bem como peculiaridades de funcionamento individual, a escolha deve basear-se na análise das necessidades da campanha oferecida pelos serviços para o armazenamento de criptoativos, bem como pelas condições de realizar negócio numa região em particular.

2. Seleção do Modelo de Negócio de Carteira de Criptomoedas

A segunda fase na aquisição de uma licença de carteira de criptomoedas envolve decidir entre oferecer serviços de armazenamento com custódia no âmbito da infraestrutura da empresa ou permitir que os utilizadores guardem eles próprios as chaves através do armazenamento sem custódia. Esta escolha é crítico dado que determina o nível de controlo da empresa sobre as chaves privadas dos seus utilizadores, um aspeto crucial do armazenamento de criptomoedas. 

As empresas que optam pelo armazenamento com custódia são responsáveis por proteger as chaves privadas dos seus utilizadores. Por outro lado, as empresas que optam pelo armazenamento sem custódia permitem que os utilizadores façam a gestão e protejam as suas chaves. A decisão deve ser cuidadosamente ponderada considerando os riscos de segurança e potenciais benefícios de cada abordagem. 

3. Conformidade e Dever de Diligência

Qualquer atividade relacionada com a prestações de serviços no setor financeiro é estritamente regulada por documentos legislativos e regulatórios que garantem, não só a segurança do ambiente no qual a atividade decorre, mas que também estabelecem um enquadramento que permitem normalizar e unificar determinados aspetos do negócio.

Assim sendo, os prestadores de armazenamento de chaves encriptadas têm de cumprir com pré-requisitos e regulamentos estabelecidos pelas autoridades regulatórias em questão, as quais, por su vez, não devem entrar em conflito com as políticas e regulamentos do prestador da carteira de criptomoedas.

4. Regulamentações de Substância Económica Local e Conformidade

O cumprimento dos regulamentos de substância económica local é crucial para as entidades que procuram uma licença de carteira de criptomoedas. A conformidade com estes regulamentos garante que as atividades comerciais do requerente da licença estão alinhadas com os objetivos económicos da jurisdição. 

Por conseguinte, os negócios têm de compreender e de cumprir os requisitos de substância económica para demonstrarem que as suas operações baseiam-se genuinamente na jurisdição em que se registaram. O não cumprimento destas regulações pode ter consequências legais e financeiras significativas. Por conseguinte, é vital garantir a conformidade com os Regulamentos de Substância Económica Local para obter uma licença de carteira de criptomoedas.

5. Preparação dos Documentos

Este passo envolve recolher e preparar o pacote de documentos necessário para obter uma licença de carteira de criptomoedas. Este pacote pode incluir a apresentação de uma série de documentos, dado que os seus conteúdos dependem diretamente dos requisitos do regulador. 

Como regra, a lista de documentos básicos inclui um extrato do registo das entidades jurídicas registadas que detêm o direito de executar atividades comerciais, um certificado do estado da conta bancária, uma licença para realizar atividades com criptomoedas (consoante a forma legal da entidade) e uma série de outros documentos diretamente relacionados com a segurança e a legitimidade dos serviços prestados para armazenar informação financeira confidencial de terceiros.

6. Preenchimento da Candidatura à Licença de Carteira de Criptomoedas

Esta fase é a última e envolve o processo de preencher um formulário especial, o qual, entre outras coisas, também tem um formulário diferente consoante a autoridade regulatória. 

Em termos gerais, o formulário fornece uma grande quantidade de informação sobre a empresa que deseja obter uma licença, bem como dados detalhados sobre as suas atividades, com todos os detalhes e nuances. Este processo é acompanhado pelo pagamento das taxas e comissões necessárias para o apoio e aconselhamento legal sobre o licenciamento no âmbito das criptomoedas.

A candidatura para uma licença de carteira de criptomoedas é considerada unilateralmente e depende de muitos fatores e peculiaridades da autoridade regulatória das criptomoedas. Após a conclusão do processo de candidatura, o regulador decidirá se emite uma licença que permite à empresa usufruir do direito de prestar legalmente serviços de armazenamento de criptomoedas aos seus clientes.

Conclusão

Uma licença de carteira de criptomoedas é um documento legal oficial essencial que confirma o direito da empresa participar legalmente na prestação de serviços relacionados com o armazenamento das chaves privadas dos utilizadores e em fornecer acessibilidade a ativos virtuais de qualquer formato. Ao deter essa licença, a empresa dá aos seus clientes uma garantia de segurança, honestidade e transparência relativamente ao seu acesso às chaves de encriptação destas carteiras.

Perguntas Frequentes

O que é uma licença de carteira de criptomoedas?

Uma licença de carteira de criptomoedas é um documento oficial que é legalmente vinculativo no que diz respeito à regulação de empresas que prestam serviços para o armazenamento de chaves privadas das carteiras do utilizador.

Que tipos de licenças de carteira de criptomoedas existem?

A licença para carteiras de criptomoedas têm vários tipos consoante se têm custódia (na maioria dos casos) ou sem custódia, dando aos utilizadores a capacidade de gerirem as chaves dos próprios.

Que jurisdições são populares para obter uma licença de carteira de criptomoedas?

No mundo das criptomoedas, as jurisdições mais populares para garantir a legalidade e a transparência das empresas de serviços financeiros são os Emirados Árabes Unidos, a Lituânia e a Estónia.

Como obter uma licença de carteira de criptomoedas?

O processo para obter uma licença para uma carteira de criptomoedas tem múltiplos passos e começa por selecionar a entidade autorizada para supervisionar a área das criptomoedas.

Artigos recentes

Advantages of Integrating Ethereum Payment API
Vantagens Únicas de Integrar a API de Pagamentos Ethereum
Educação 02.04.2024
How and Why Should You Accept Bitcoin as Payment in 2024?
Como e Porque Deve Aceitar a Bitcoin como Pagamento em 2024?
Educação 01.04.2024
Analysing Open-Source Payment Gateways
Será que Deve Considerar uma Plataforma de Pagamentos Open-source?
Educação 28.03.2024
crypto wallet integration process
Principais Passos para a Integração da Carteira criptográfica na Sua Loja online
Educação 26.03.2024